Um espaço sem complexos para reflectir sobre as misérias e alegrias de quem vive no subúrbio de grandes cidades, como é Lisboa.
Segunda-feira, 10 de Outubro de 2005
Chuva? Não, é tempestade e chama-se Vince!
Choveu!!!!!!!!!!!!! Aleluia!!!!!!!!!! Afinal na cidade ainda cai água sem ser da EPAL!!!!!

Parece piada, mas no dia a seguir às eleições autarquicas, pelo menos aqui na Grande Lisboa, choveu que só e lá vieram à evidência as misérias das cidades: estradas transformadas em rios, esgotos entupidos, tampas que saltam e ficam à espera do motorista incauto, lixo e entulho por todo o lado. Mas também aqui deve ter chovido em 2 horas o equivalente ao que choveu desde o ínicio do ano!

Mas o dia acordou triste não só por isso, mas também porque ontem a democracia em Portugal levou mais uma machadada, com a vitória dos candidatos municipais pseudo-independentes, cuja única cor politica que tem é da desfaçatez e sem-vergonha! Cada dia que passa mais acho que Portugal tem apenas aquilo que merece, pois a mediocridade é cada dia mais avassaladora, massificada e sufragada pela maioria amorfa de um País em plano inclinado para a ruptura.

É triste ver um País se auto-destruir por falta de motivação, em que o chico-espertismo é lei, e o engano e a mentira são as traves mestras da sociedade actual. Onde é que está a tão falada solidariedade? Só existe quando uma TV faz uma grande sessão pública de carpideiras, cheias de lágrimas para TV mostrar, quase tão falsas quanto as boas intenções por detrás da mesma iniciativa. Quem já doou algo para estas iniciativas de solidariedade concerteza já se perguntou: "Será que alguém recebeu realmente aquilo que mandei, ou ficou a encher os bolsos de algum corrupto? Ou pior ainda, se foi um bem material, será que não foi pró lixo??"

Não digo que os Tugas se tenham tornado insensíveis, mas a ajuda já não é mais desinteressada, não é sincera, falta coração onde sobra emoção, emoção essa explorada de forma até pornográfica, sem que isso tenha como objectivo aumentar o apoio dado a determinada causa. Cada vez mais serve interesses comerciais, egoístas, em que muitos se aproveitam da miséria alheia para fazer a sua fortuna imunda.

É este cheiro fétido que a chuva de hoje não consegue mais disfarçar, por mais torrencial que seja, por muitas tempestades que assolem a cidade, a indiferença, o individualismo, a insensibilidade tomaram conta da cidade, onde o "salve-se quem puder" é lei, é dogma, é religião!

Hoje ou amanhã, a tempestade Vince (que nome mais paneleiro para a primeira tempestade de 2005 por terras Tugas... Ainda se fosse Joaquim ou Manuel!!) vai dar à costa e fazer um ventito para ver se anima as hostes e põe os recém-eleitos a dar o litro (ou a tirá-lo, dependendo das perspectivas)... Se correr mal, já podem por as culpas no antecessor, não é? Afinal foi ele que não limpou, não preveniu, etc.. e gastou os ultimos euros a fazer aquele fontanario feio que não serve pra nada a não ser para ganhar verdete, gastar a pouca água que temos e tapar a visibilidade das rotundas, ou então naquelas obras de fachada que apenas servem para fingir que se fez obra ao fim de 4 anos. Ridiculo, mas verdadeiro!
Mas afinal do que nos podemos queixar? Temos das mais belas obras de fachada da Europa!

Enquanto outros gastam as suas parcas posses a educar as gerações futuras, a enriquecer-lhes a mente, aqui as gerações Tugas cada dia são mais grunhas, acefalas e sem valores, sem educação, sem respeito por nada nem ninguém. Só hoje é que a tempestade vem aí, mas nas últimas décadas este País tem estado no olho de um furacão que tudo destrói e que quando passar vamos finalmente apercebermo-nos o grau de devastação a que chegamos neste Jardim à Beira Mar Plantado!

No final sobrará cimento que tanto empreiteiro impingiu aos restantes, e não existirá massa cinzenta para fazer avançar este País na direcção certa.

Mas como bom Tuga, cá dentro o bichinho diz-me sorrateiro: "Que se lixe, o que sou eu no meio da multidão? Deixa-me aproveitar a chuva para dormir aconchegado, é muito mais saboroso!"...

Aproveitemos a tempestade!! Vedi, Vini, Vince!


publicado por VitorM às 22:47
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


posts recentes

Mudei de casa

Neve na cidade...

Despede-se um génio...

Curiosidades do Meu País

Preguiças

Chuva? Não, é tempestade ...

Raisparta o sapo...

Amanhã é feriado?

Eclipse

Domingo no Parque

Inauguração do Vista do S...

arquivos

Abril 2008

Janeiro 2006

Novembro 2005

Outubro 2005

tags

todas as tags

links
Quantos já me visitaram?
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds